Saiba como a Cooltra cuida da sua segurança

Conduzir um veículo na via pública pressupõe a sua responsabilidade, para se proteger e proteger os outros cidadãos. Na Cooltra, estamos particularmente conscientes e trabalhamos desde o início, em 2006, nesta questão. É por isso que procuramos ativamente as novas tecnologias e as inovações que contribuem para melhorar a segurança rodoviária dos nossos utilizadores e daqueles que os rodeiam.

Através deste artigos, pretendemos que saiba tudo o que conseguimos colocar em prática para levar a cabo o nosso compromisso em matéria de segurança. Mas antes de começar, temos de destacar que a segurança começa por termos consciência das nossas competências e conhecimentos ao volante de uma scooter. Se pensa que uma formação sobre a condução em duas rodas lhe poderá ser útil, contacte-nos (bonjour@cooltra.com) e iremos indicar-lhe como pode fazer um curso gratuito com o nosso parceiro para adquirir a experiência e a confiança numa das nossas scooters elétricas.

#ConduzirEmSegurança

AVAS (Sistema de alerta sonoro para os veículos)

Em velocidade reduzida, os veículos elétricos são praticamente silenciosos, o que os torna dificilmente identificáveis para os peões e ainda mais para as pessoas com deficiência visual. Nos Estados Unidos, de acordo um estudo realizado pela administração da segurança rodoviária nas autoestradas nacionais, os veículos elétricos estão envolvidos em 37% dos acidentes com peões e em 56% dos acidentes relacionados com os ciclistas. É por este motivo que as diferentes organizações do setor parapúblico preconizaram implementação de um “sistema de altera do veículo acústico” (AVAS) para todos os veículos silenciosos.

Em abril de 2014, a União Europeia aprovou a ideia de obrigar todos os construtores a equiparem os seus veículos elétricos e híbridos com um sistema AVAS. A partir do dia 1 de julho de 2019, todos os novos tipos de veículos foram devidamente equipados com um sistema AVAS. Desde o dia 1 de julho de 2021, todos os veículos novos são obrigados a ter um sistema AVAS [UE 540/2014, art. 8º e UE 2017/1576].

Na Cooltra, antecipámo-nos a esta nova regulamentação. Desde 2018, todas as nossas scooters em self-service Askoll (a marca da nossa scooter em self-service), emitem um ruído que permite aos outros utilizadores na estrada detetar a sua presença. Este som não é em caso algum equivalente ao dos veículos de combustão, dado que o seu nível sonoro é bastante menor.

 

Adaptação dos capacetes

Uma forma de trabalhar na inclusão e na segurança do nosso serviço foi oferecer, no primeiro dia, dois capacetes homologados em cada scooter. Estes são de diferentes tamanhos, L e M, e demos-lhe uma cor diferente para um reconhecimento fácil e rápido: azul = L e verde = M.

Ao oferecermos dois tamanhos podemos tornar o serviço acessível a um público mais amplo, em total segurança. Além disso, dispondo de dois capacetes, facilitamos a utilização das scooters da Cooltra por pessoas não habilitadas para conduzir as scooters elétricas e que estão acompanhadas por uma pessoa que pode conduzir.

Para terminar, de notar que os nossos capacetes estão dotados de uma correia e uma fivela reguláveis para se adaptarem na perfeição à anatomia do utilizador, para uma maior segurança. É importante relembrar que uma fixação correta e perfeita do capacete é de uma importância crucial para evitar que salte em caso de acidente.

Gestão inteligente da velocidade

Sabia que os ciclomotores (scooters de baixa potência cuja velocidade está limitada a 45 km/h), como os da nossa frota elétrica em self-service são o tipo de veículo que apresenta o menor número de acidentes graves? Mas tal não é suficiente atualmente e nós somos conscientes. As tendências em matéria de mobilidade nas cidades mudaram, e mudaram ainda mais depressa depois da pandemia de COVID. Todos pudemos fazer várias constatações: o número crescente de zonas limitadas a 30 km/h ; as vias reservadas às scooters e viaturas estão a desaparecer pouco a pouco ; a caminhada e a bicicleta são valorizadas…. Em suma, os limites de velocidade mudaram e os condutores de scooters devem adaptar-se e respeitar esses limites.

É por isso que a Cooltra está a trabalhar num sistema de aviso para os utilizadores. Este sinal irá avisar sempre que a velocidade máxima for ultrapassada. Esperamos poder anunciar a chegada da tecnologia « geo-speed » na nossa frota muito em breve.

Arranque / paragem em segurança

As scooters da Cooltra estão equipadas com um sensor no descanso central que indica se o descanso está completamente rebaixado ou não. Este sensor é igualmente responsável pela ativação e desativação da opção de arranque do motor. Este pequeno desenvolvimento, que pode parecer insignificante, permite evitar vários acidentes, porque impede o condutor de acelerar involuntariamente a scooter antes de estar preparado ou mesmo quando estiver estacionado.

Sabemos que esta medida de segurança pode ser melhorada, isto porque estudámos com a nossa equipa de engenheiros e o nosso fabricante (Askoll), o desenvolvimento de um sistema de deteção de utilizadores. O objetivo desta medida é o de verificar, através do peso no banco, se o condutor está bem sentado no veículo antes de iniciar o trajeto. Isto permitirá até parar o motor se o peso do condutor no banco diminuir ou se um acidente fizer com que o condutor perca o seu peso no banco, evitando assim qualquer danos suplementares.

Grande diâmetro da roda, grande estabilidade

O modelo de scooter em self-service da Cooltra, o Askoll eS2, é o único modelo do setor a oferecer um diâmetro da roda de 16 polegadas, a maior do mercado, oferecendo de 4 a 6 polegadas mais do que os seus concorrentes. Propor uma jante com um diâmetro suplementar de +33 % a 60 % faz uma grande diferença entre a utilização das nossas scooters (grande diâmetro) ou as dos nossos concorrentes (pequeno diâmetro).

Na realidade, as jantes de 16 polegadas permitem que os utilizadores de scooters da Cooltra beneficiem de uma maior estabilidade e de uma melhor capacidade de manobra. Foi igualmente comprovado que as rodas altas permitem um melhor comportamento dinâmico e desempenhos da suspensão e da travagem mais eficazes. Com 15 anos de experiência na indústria das scooters, a Cooltra desenvolveu a sua experiência tendo em mente estas características-chave.

Luzes de sinalização audíveis (por Puig)

Uma das manobras que provoca mais acidentes, tanto na cidade como em estrada, é a mudança de via. É por isso que é muito importante utilizar corretamente os piscas para sinalizar este tipo de movimento lateral ou de mudança de direção.

Nas nossas scooters, vai ouvir um sinal sonoro quando ligar um dos piscas, para além do sinal visual (à frente e atrás, bem como no painel de instrumentos): o som “Puig”. Este indicador sonoro é utilizado para o relembrar de desfazer os piscas quando terminar a sua manobra, mas também para avisar as pessoas que acompanham os seus movimentos.

Mas porquê este nome, “ o som Puig ” ? Albert Puig é uma lenda para a equipa de mecânicos da Cooltra, bem como um apaixonado por scooters desde sempre. Disse-nos sempre que este complemento sonoro era útil e necessário para reforçar a segurança. Obrigado Puig !

Modo de segurança noturno

Na Cooltra, levamos muito a sério o facto dos nossos utilizadores se comportarem de maneira exemplar na via pública quando utilizam o nosso serviço. Isto porque conduzimos várias ações de formação e de comunicação para os sensibilizar para aquilo que representa um bom comportamento. Não obstante, há um aspeto que exige um tratamento especial: evitar misturar álcool e drogas com a condução. Sabemos por experiência que é durante a noite, e sobretudo nos dias da semana, que os condutores têm mais multas (quer conduzam um veículo particular ou partilhado, de carro ou de scooter)

Esta é a razão pela qual a Cooltra desenvolveu (de momento em fase de teste interno) o modo de segurança noturno. Trata-se de uma nova funcionalidade da nossa aplicação que pretende dissuadir as pessoas de conduzirem sob a influência do álcool ou de drogas. O modo de segurança noturno é automaticamente ativado todas as noites entre as 22h00 e as 06h00 da manhã, e é ativado para todos os utilizadores que tentem utilizar a nossa aplicação. Com este modo de segurança noturno, enviamos uma mensagem de sensibilização clara ao utilizador e solicitamos-lhe que também desbloqueie a aplicação com a ajuda de um código de verificação. A aplicação relembra ao utilizador que só poderá continuar a utilizar o serviço se estiver totalmente apto para conduzir. Caso contrário, é convidado a escolher outro modo de transporte que irá impedi-lo de conduzir.

Reconhecimento das impressões digitais

A Cooltra faz parte do consórcio europeu MADRAS desde 2020. No âmbito de um projeto de investigação e desenvolvimento relevante dos fundos europeus Horizon 2020, o consórcio MADRAS trabalha no desenvolvimento de dispositivos OLAE (Organic Large Area Electronics), que utilizam materiais à base de carbono. Isto oferece-lhes produtos muito menos poluentes e menos dispendiosos, todos mais acessíveis do que os dispositivos tradicionais em silício. Os dispositivos OLAE são utilizados em aplicações na IdO, na tecnologia portátil (wearables), na indústria automóvel, nos cuidados de saúde, na logística, etc.

Graças à nossa participação no consórcio, testámos um sensor que, juntamente com a telemática e a nossa interface back-end, permite ativar a scooter depois de reconhecer a impressão digital do utilizador. Este projeto-piloto será instituído em 2023 e constituirá uma etapa suplementar na investigação de soluções destinadas a atenuar, de um lado, a usurpação ou falsificação de identidade do utilizador que utiliza um veículo, e do outro, todos os riscos e custos que implica.

Verificação inteligente da identidade

Os serviços da Cooltra só estão acessíveis a pessoas com mais de 18 anos que possam comprovar a sua identidade. É por isso que dispomos do reconhecimento facial biométrico. Aquando do processo de registo e de verificação dos utilizadores, esta tecnologia permite-nos identificar rapidamente e com certeza o utilizador, comparando a imagem da carta de condução, do seu cartão do cidadão e de uma fotografia tirada no local.

Para além da verificação da identificação, a idade e o tipo de veículos da frota da Cooltra a que terá acesso com base na sua carta de condução são igualmente controlados. Se a utilização da tecnologia avançada não for suficiente e se uma das imagens fornecidas suscitar dúvidas, o processo de validação ativa a verificação humana e a nossa equipa de agentes fará um controlo final, entrando em contacto com o utilizador, se necessário.

Assistência humana 24h por dia, 7 dias por semana

No caso de todas as medidas de segurança implementadas serem insuficientes, e em conformidade com o nosso compromisso para com os nossos utilizadores, a Cooltra dispõe de uma equipa de assistência, disponível 24h por dia, 7 dias por semana. Esta equipa fornece uma assistência por telefone, por chat e por email. Além disso, tentamos ter colaboradores que sejam multilingues; na realidade, contamos com colaboradores na nossa equipa cuja língua materna é uma das seis línguas seguintes : francês, italiano, espanhol, catalão, português e inglês.

Este serviço de apoio ao cliente à distância é reforçado pela nossa equipa operacional: as equipas de manutenção são organizadas de forma a existir sempre pelo menos uma pessoa disponível em cada cidade, por forma a realizar uma intervenção de urgência no terreno.

Na Cooltra, temos o hábito de dizer "É tempo de conduzir" ! Não obstante, acrescentamos uma precisão importante: #Conduziremsegurança !
Location à la minute / l’heure pour les particuliers
FAQ Modalités et conditions